Tag Archives: Portugal

O VALOR DA MARCA PORTUGAL – UMA CONFERÊNCIA RENASCENÇA EM PARCERIA COM A RANDSTAD

Imagem RandstadDia 18 junho – 8h30 – 13h00 – Auditório Renascença

Porquê contratar talentos para trabalhar em Portugal num ambiente global?

Que diferença faz a formação portuguesa?

Que áreas de negócio estão por explorar no universo da Marca “Portugal”?

O que podem fazer o Estado e os agentes públicos?

O que devemos exigir dos decisores políticos?

Estas são algumas das questões que a Renascença, em parceria com a Randstad, quer ver respondidas na Conferência “A marca Portugal, um valor com futuro” que tem lugar no próximo dia 18 de Junho no auditório da Renascença em Lisboa.

Numa manhã de debates, receberemos 12 oradores entre gestores, académicos, empresários e cidadãos, ligados direta e indiretamente, à imagem de Portugal veiculada por instituições e indivíduos num contexto económico competitivo à escala global.

Com base no estudo Randstad Employer Branding Research, pretende-se refletir e a perspetivar o futuro do mercado de trabalho em Portugal. O valor da marca “Portugal” nos currículos profissionais e académicos dos indivíduos, na criação de valor das empresas e nas políticas públicas também estará em análise.

Entre os oradores estarão representantes de empresas como a Microsoft , de escolas de gestão como a NOVASBE, antigos governantes como Adolfo Mesquita Nunes e Pedro Lomba, gestores de capital de risco como Rita Baptista Marques da Portugal Ventures e representantes do tecido empresarial congregados na CIP.

Num formato inovador em conferências, foi criado um “focus group” que será entrevistado ao vivo sobre a marca “Portugal”, juntando experiências com origem na academia, no desporto, no turismo e nas empresas. 

PROGRAMA

8h30 – Credenciação

9h00 – Boas Vindas

Host José Pedro Frazão, Jornalista Renascença

9h05 – Abertura

José Miguel Leonardo, CEO da Randstad Portugal

9h10 – O Randstad Employer Brand Research 2019 e a marca Portugal

Inês Veloso, Director of Marketing and Communications Randstad Portugal

 

9h20 – Focus Group ao vivo: A marca “Portugal” na vida de todos os dias

Debate com cinco portugueses anónimos que partilham experiências com a plateia

9h45 –Debate: Fazer a diferença no trabalho pela marca Portugal

Vanda de Jesus, Diretora de Marketing e Comunicação da Microsoft

Rita Campos e Cunha, Professora de Human Resources Management, Diretora Mestrados,

Nova School of Business & Economics

Sofia Tenreiro, Administradora da Galp Energia*

10h45 – Pausa para Café

11h00 – Focus Group ao vivo: O que eu espero de quem decide

Debate com cinco portugueses anónimos que lançam questões para a plateia

11h20 – Debate: Fazer a diferença na estratégia pela marca Portugal

Adolfo Mesquita Nunes, advogado, Ex-Secretário de Estado do Turismo

António Saraiva, presidente da Confederação Empresarial de Portugal*

Rita Batista Marques, Presidente da Portugal Ventures

12h45 – Wrap-up da Conferência: o bloco de notas de…

Pedro Lomba, Jurista da sociedade PLMJ , Ex- Secretário de Estado Adjunto e dos Assuntos Parlamentares

13h00 – Fim da Conferência

 

*a confirmar

 

Para mais informações, envie um email para conferencias@rr.pt

Para realizar a sua inscrição clique aqui

Com as etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Está fechado o painel de oradores da Primeira Conferência BOLA BRANCA – Que Futuro Queremos Para o Futebol Português? – Dia 3 junho / 9h00 – 18h30

imagemNOTA DE AGENDA – No próximo de 3 de junho, segunda-feira, a partir das 9h00 a Renascença organiza a Conferência BOLA BRANCA – QUE FUTEBOL QUEREMOS PARA PORTUGAL? que se realiza no Auditório do Grupo Renascença Multimedia, em Lisboa.

Durante um dia a Bola Branca, a histórica marca de Desporto da Renascença, desafia os principais agentes do futebol profissional português, entre eles governo, dirigentes, treinadores, árbitros, jogadores, ex-jogadores internacionais, a defenderem propostas concretas para mudar o clima de crispação existente na indústria do futebol em Portugal.

Em seguida o Programa da Conferência onde estão apresentados todos os oradores:

Programa Conferência Bola Branca

A Renascença convoca mini estados gerais dando a palavra e contrapondo argumentos para contribuir positivamente para melhorar o futebol português.

Uma conferência que se realiza em final da época, num ambiente que se pretende construtivo e que ajude a repensar o futebol com todas as suas complexidades, mas também com o desportivismo que se impõe ao desporto rei.

CONFERÊNCIA BOLA BRANCA – QUE FUTEBOL QUEREMOS PARA PORTUGAL?

Dia 3 junho – 9h00

Auditório Grupo Renascença Multimedia

Estrada da Buraca – Lisboa

A não perder!

RENASCENÇA, A PAR COM O MUNDO!

 

Contamos com a sua presença.

Para fazer a sua acreditação, por favor responda para maria.ruivo@rr.pt

 

 

 

Com as etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Renascença organiza a primeira Conferência Bola Branca – Que Futuro Queremos Para o Futebol Português?

imagem

NOTA DE AGENDA – No próximo de 3 de junho, segunda-feira, a partir das 9h00 a Renascença organiza a Conferência BOLA BRANCA – QUE FUTEBOL QUEREMOS PARA PORTUGAL? que se realiza no Auditório do Grupo Renascença Multimedia, em Lisboa.

Durante um dia a Bola Branca, a histórica marca de Desporto da Renascença, desafia os principais agentes do futebol profissional português, entre eles governo, dirigentes, treinadores, árbitros, jogadores, ex-jogadores internacionais, a defenderem propostas concretas para mudar o clima de crispação existente na indústria do futebol em Portugal.

A Conferência contará na abertura com a intervenção do Secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo.

Entre as presenças já confirmadas estão representantes do Sport Lisboa e Benfica e do Sporting Clube de Portugal;

Para debater a arbitragem, a Renascença conta com um árbitro no ativo, o ex árbitro Duarte Gomes, para além do presidente da Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol.

A temática do futebol de formação em Portugal conta com representantes de algumas das principais academias. Estarão também ex-jogadores internacionais como Nuno Gomes, Maniche e Marco Caneira.

Uma conferência que conta ainda com o contributo de treinadores como Domingos Paciência, Paulo Bento e José Peseiro, entre outros.

A Renascença convoca miniestados gerais dando a palavra e contrapondo argumentos para contribuir positivamente para melhorar o futebol português.

Uma conferência que se realiza em final da época, num ambiente que se pretende construtivo e que ajude a repensar o futebol com todas as suas complexidades, mas também com o desportivismo que se impõe ao desporto rei.

CONFERÊNCIA BOLA BRANCA – QUE FUTEBOL QUEREMOS PARA PORTUGAL?

Dia 3 junho – 9h00

Auditório Grupo Renascença Multimedia

Estrada da Buraca – Lisboa

A não perder!

RENASCENÇA, A PAR COM O MUNDO!

Com as etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

RÁDIOS PORTUGUESAS TRAZEM RADIODAYS EUROPE 2020 PARA LISBOA

RADIODAYS EUROPE Lisbon 2020

Lisboa será cidade-sede da edição 2020 do Radiodays Europe, evento anual que reúne profissionais e empresas ligadas ao setor da indústria da rádio, foi hoje anunciado no final da edição 2019 em Lausanne, Suíça. O anúncio contou com mensagens do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, e do Presidente da Camara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, a congratularem-se pela escolha de Portugal e Lisboa para o evento.

O Presidente da República, recordando os tempos em que também ele foi autor de programas na rádio, afirma que “Portugal e a Rádio têm em comum serem plataformas de culturas, civilizações, continentes e oceanos!”.

O Presidente da Camara Municipal de Lisboa, afirma que “…tal como a Rádio não tem limites, Lisboa é uma cidade aberta ao mundo, tolerante e sem muros, braços abertos à diversidade!” 

A CANDIDATURA PORTUGUESA

Portugal apresentou a sua candidatura à realização da Conferência Anual numa ação conjunta dos principais grupos de rádio no nosso país: RTP (Antena 1, Antena 2, Antena 3, RDP Africa e RDP Internacional), Media Capital Radios (Radio Comercial, M80, Radio Cidade, Smooth FM e Vodafone FM) e o Grupo Renascença Multimédia (Radio Renascença, RFM, Mega Hits e Rádio Sim). A escolha da cidade de Lisboa recebeu comentários das três entidades parceiras na candidatura.

“Este é um momento especial para receber o Radiodays. Um momento de reforço da preferência e credibilidade do meio rádio refletidas na última vaga de audiências. A Rádio em Portugal está com os melhores resultados de audiência diária e semanal dos últimos 15 anos. Este é o momento de aproveitar todas as oportunidades que as novas tendências, tecnologias e plataformas permitem. Por isso o Radiodays em Portugal é chave para que os stakeholders nacionais testemunhem a vitalidade do setor”. – RTP -.

Acreditamos que a realização do Radiodays 2020 em Lisboa pode ser inesquecível. A cidade tem muito a oferecer aos participantes e estes também muito a oferecer à cidade, aos seus profissionais da área da comunicação e não só. Queremos que seja um encontro muito bem vivido por todos, sejam profissionais da rádio, marketeers, agências ou universitários – Media Capital Rádios – .

“Numa altura em que o consumo de rádio está a subir em Portugal, a realização da Radiodays em Lisboa será uma ocasião única para partilhar paixão e conhecimento sobre o presente e o futuro deste meio tão especial. Uma oportunidade para sintonizar todo o cluster da rádio – profissionais, parceiros, agências, anunciantes, estudantes de comunicação – numa cidade excecional como Lisboa, palco ideal para um evento com a dimensão internacional da Radiodays Europe 2020. – Grupo Renascença Multimédia -.

A candidatura foi vencedora. Durante os próximos 12 meses será tempo de trabalhar a organização do evento e torná-lo num evento memorável para a indústria da rádio a nível mundial. Ao mesmo tempo, por ser em Portugal, será uma oportunidade para que muitos mais profissionais e as empresas ligadas ao sector, se possam envolver e participar. 

RADIODAYS EUROPE

A CONFERÊNCIA

A Conferência decorrerá de 29 a 31 de Março de 2020 no Centro de Congressos de Lisboa, na Junqueira.  Participam mais de 1600 profissionais provenientes de estações de rádio públicas e privadas de mais de 60 países. Da Europa, à América do Norte, América do Sul e Austrália.

Três dias em que são refletidos o presente, evolução e futuro da rádio. Os desafios digitais e a alteração dos tradicionais modelos de negócios com a chegada de novos “players”, as novas plataformas e o mundo dos podcasts. As conferências estão focadas em histórias de sucesso, novos avanços tecnológicos, novas técnicas e tendências na área da produção radiofónica, o jornalismo, a descoberta e formação de talento ou os mais recentes modelos de negócio. Tópicos abordados por mais de uma centena de conferencistas, especialistas e produtores de rádio premiados, com visões que influenciam o futuro da indústria. O evento conta também com a presença de mais de 60 empresas que expõem os seus serviços e tecnologia.

A primeira Radiodays Europe realizou-se em 2010 em Copenhaga, numa colaboração nórdica entre grupos públicos e privados da Suécia, Noruega e Dinamarca, que tinham antes uma conferência de rádio conjunta. A partir de 2012, o Radiodays Europe começou a sua itinerância, com a sede escolhida em Barcelona. Em 2013 foi a vez de Berlim. Depois Dublin em 2014, Milão em 2015, Paris em 2016, Amesterdão em 2017, Viena em 2018 e Lausanne em 2019.

PARCEIROS

Uma chave para o sucesso da Radiodays Europe é o diálogo com as estações de rádio e demais “stakeholders” da indústria em toda a Europa. O RDE é apoiado por uma ampla gama de organizações como a União Europeia de Radiodifusão (EBU), que reúne as estações públicas, a AER que reúne as rádios privadas, a EGTA (das agências europeias). Outros parceiros têm membros fora da Europa, como PMA (Public Media Alliance), AIBD (Ásia-Pacífico), WorldDAB e Radiodays Africa.

ORGANIZAÇÃO

A entidade organizadora do Radiodays Europe é a “Association Radiodays Europe”, organização sem fins lucrativos com o único propósito de organizar a conferência de rádio anual. Fundada pelas emissoras públicas SR, DR, NRK e YLE, elas formam a administração da associação. O presidente do Conselho de Administração é Jan Petersson, Diretor de Estratégia da Radio Pública Sueca. É supervisionada por Anders Held, também da Sveriges Radio, a par do comité executivo composto por Rosie Smith, do Reino Unido, Frederik Stucki da Suíça e Peter Niegel da Dinamarca.

Com as etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,
%d bloggers like this: