Tag Archives: Jornalismo

Jornalista da Renascença distinguida pela Assembleia da República por reportagem sobre o Autismo

É uma menção honrosa da Assembleia da República atribuída à Jornalista da Renascença Liliana Carona pela realização de uma reportagem sobre o autismo.

“Autismo. A música ajuda-os a sair da concha” é o nome da reportagem premiada e foi emitida a 19 de abril de 2017.

os_bueanimados_grupo_musical_de_jovens_autistas7819d483_base

Nela fala-se do projeto Buéanimados, uma iniciativa da Associação Portuguesa para as Perturbações do desenvolvimento e Autismo (APPDA), associação criada em Viseu pela mão de uma mãe que quis dar resposta a uma lacuna existente no apoio a crianças e adultos autistas.

Neste projeto musical na cidade de Viseu participam 20 jovens adultos com autismo que encontram na música uma importante plataforma de desenvolvimento cognitivo e sensorial.

A menção honrosa foi atribuída no âmbito do Projeto Dignitas, da Associação portuguesa de Deficientes. Um prémio que tem como objetivo distinguir os melhores trabalhos publicados ou difundidos nos órgãos de comunicação social portugueses, subordinados ao tema da deficiência e que promova, a dignidade das pessoas com deficiência, os seus direitos humanos e inclusão social.

A reportagem da Jornalista da Renascença Liliana Carona pode ser ouvida aqui.

Mais informações em www.rr.sapo.pt

Com as etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Ana Galvão e José Pedro Frazão com A Tarde da Renascença em direto de Mação

tarde em macao-site 840x471

O que está a ser feito para evitar Incêndios neste verão? É a grande pergunta que a Renascença quer ver respondida já amanhã, dia 14 de Março, com uma emissão ao vivo em direto de Mação.

A um dia da data limite marcada para limpar o mato e cortar as árvores nas proximidades de casas e aldeias, Ana Galvão e José Pedro Frazão arregaçam as mangas e vão até Mação, uma das zonas mais afetadas pelos fogos de 2017.

Dia 14 de Março, das 16h às 20h, na Sede das Associações do Concelho de Mação, a Renascença fará uma emissão especial para ouvir os problemas de quem vive na região e a atual situação no terreno. O que está a ser feito neste momento para evitar uma das maiores ameaças em Portugal: os Incêndios ?

Uma emissão com reportagens de Marta Ventura e João Cunha, com vários convidados especiais para saber o que está a ser feito para prevenir os fogos e não só: porque a vida continua, este será também um programa para olhar para lá da tragédia, para conhecer melhor a cultura e as tradições de Mação.

A Renascença a par com o mundo esta quarta-feira, em direto de Mação, com a Ana Galvão e o José Pedro Frazão.

Mais informações em www.rr.pt

Com as etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Renascença com novo formato e nova grelha

A partir de hoje, a Renascença assume um formato mais noticioso, com mais espaço para as notícias e em direto sempre que se justifique.

Com a alteração de formato e nova grelha, a Renascença pretende dar a melhor informação, primeiro e em profundidade, explicando os contextos da notícia, com coerência e independência, e com mais debates sobre o que verdadeiramente é importante para a vida de cada um.

rr-imagem-campanha-frame2Através de um registo bem-disposto e descomplicado, pretende-se simplificar a atualidade, transformando a antena num espaço integrador e agradável, onde a música tem também um papel determinante.

Com esta opção, a estação quer estar ainda mais próxima dos ouvintes e dos acontecimentos que os influenciam. Renascença a par com o mundo é por isso a nova frase de posicionamento.

Para este projeto, nos principais espaços, vão estar nomes reconhecidos da rádio, como Carla Rocha, Paulino Coelho, Óscar Daniel e os jornalistas Miguel Coelho, Sérgio Costa e José Pedro Frazão, Carlos Dias e Pedro Azevedo.

Na execução da nova grelha, contamos ainda com vários comentadores e analistas que nos vão ajudar a perceber o mundo. Logo de manhã, no programa conduzido por Carla Rocha, entre as 6h30 e as 10h, estará uma equipa alargada de comentadores que vão abordar e debater as questões mais relevantes do dia, como Pedro Santos Guerreiro, Raquel Abecasis, Henrique Raposo, Jacinto Lucas Pires, João Taborda da Gama e Francisco Assis. Miguel Coelho será o responsável pelas notícias e Carlos Dias pela informação desportiva, com Bola Branca.

GRANDE REPORTAGEM DE REGRESSO

A nova grelha da Renascença marca também o regresso da grande reportagem à antena. É no espaço das 12h, conduzido por Sérgio Costa e com opinião de Luís Santos, docente da Universidade do Minho. Todas as semanas, um tema da atualidade terá um olhar diferente e particular na antena da Renascença. O espaço das 12h marca ainda o regresso das grandes entrevistas a um dos horários nobres da rádio, numa parceria da Renascença com o jornal Público.

Como os ritmos de vida são cada vez mais diversos, o programa de fim da tarde da Renascença arranca às 17h e prolonga-se até às 20h30 e é conduzido pelo jornalista José Pedro Frazão. Um espaço marcado pelo essencial das notícias e análise do dia, com a opinião de Graça Franco, diretora de Informação da Renascença, e de Francisco Sarsfield Cabral. O espaço Bola Branca está a cargo de Pedro Azevedo.

MAIS DESPORTO E DEBATES

Diariamente, entre as 19h e as 20h, abrimos um espaço de debate onde todos concordam em discordar. Logo à segunda-feira, Rui Miguel Tovar, Manuel Cajuda e o jornalista Pedro Azevedo olham para o essencial da jornada desportiva. À terça, no Falar Claro, Vera Jardim e Nuno Morais Sarmento vão para lá do “quê” e olham para o “porquê” da política nacional. O grande debate sobre os temas europeus chega à quarta-feira, no Fora da Caixa, com Santana Lopes e António Vitorino. À quinta é dia do Conselho de Diretores. Num registo bem-humorado, mas muito atento, Graça Franco, Henrique Monteiro e Pedro Santos Guerreiro descomplicam os temas que marcam a atualidade. A fechar a semana um olhar mordaz: o Comendador Marques Correia salta das páginas do Expresso e estreia-se na rádio.

 MAIS MÚSICA PORTUGUESA

A música terá também um papel determinante neste novo formato, nomeadamente, a música portuguesa, que será protagonista entre as 13h e as 17h, com Paulino Coelho. Por este espaço vão passar músicos, bandas e cantores que vão tocar ao vivo e conversar com Paulino Coelho.

A música e conteúdos mais descontraídos vão também ter destaque especial entre as 5h00 e as 6h30, com Renato Duarte, entre as 10h00 e as 12h00, com Carlos Bastos, e entre 20h30 e as 22h30, com Júlio Heitor.

A madrugada arranca com Sónia Santos, com um programa interativo onde se pretende escutar os ouvintes sobre os temas que marcam a atualidade, e prossegue com Isabel Pereira.

NOVIDADES AO FIM DE SEMANA

Ao fim-de-semana três grandes destaques: aos sábados o Em Nome da Lei, entre as 12h e as 13h. Um programa conduzido pela jornalista Marina Pimentel onde se discutem os grandes temas da justiça e da produção legislativa que influenciam a vida dos portugueses. Aos domingos, Oscar Daniel conduz o Porta Aberta, um programa de cariz religioso com o relato de experiências de quem se dedica aos mais necessitados e, entre as 12h e as 13h, um espaço de debate da atualidade com o jornalista José Bastos.

A noite de domingo conta ainda com uma estreia. Aura Miguel, a vaticanista da Renascença, vai conduzir um espaço de entrevistas com testemunhos de pessoas que ajudam a transformar o mundo.

A equipa de Direcção que conduz este novo projeto conta com Graça Franco, diretora de Informação; Dina Isabel, diretora-adjunta de Programação; Raquel Abecasis, diretora-adjunta de Informação; e Pedro Leal, que assume agora a Direcção-Geral de Produção do canal Renascença. Este jornalista teve, nos últimos anos, na qualidade de diretor-adjunto de Informação, a responsabilidade da área digital do canal Renascença.

De acordo com Pedro Leal “A juntar à credibilidade e rigor a que a Renascença tem habituado o seu público, estará o caracter descontraído e o discurso positivo e bem-disposto dos seus profissionais que, juntamente com a música, vão ajudar a transformar a antena num espaço integrado e coeso, onde se explica a realidade, com um registo de proximidade”.

Com as etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Reportagem Renascença “A Sul da Sorte” vence Prémio Gazeta Multimédia

A Sul da Sorte - Imagem

Catarina Santos é a autora pela reportagem Renascença que ganhou o Prémio Gazeta Multimédia 2014, do Clube de Jornalistas.

O drama de milhares de migrantes que todos os dias tentam chegar à Europa é o tema central de “A Sul da Sorte”.

Em comunicado divulgado esta terça-feira, o júri escreve que “utilizando diversos registos e meios, Catarina Santos mostra, com rigor e grande sensibilidade, os vários lados de um problema que já ultrapassou as fronteiras de Itália”.

Os prémios Gazeta são o mais prestigiado galardão do jornalismo português.

Manuel Carvalho e Manuel Roberto (imprensa), Mário Galego (rádio), Pedro Coelho (televisão), António Cotrim (fotografia) e Vânia Maia (revelação) foram outros vencedores dos Prémios Gazeta 2014.

O júri do prémio é constituído por Eugénio Alves (Clube dos Jornalistas), Cesário Borga (Clube dos Jornalistas), Elizabete Caramelo (docente universitária), Fernando Cascais (docente universitário e CENJOR), Fernando Correia (jornalista e docente universitário), Jorge Leitão Ramos (crítico de cinema e televisão), José Rebelo (docente universitário) e Paulo Martins (docente universitário e Comissão da Carteira).

A reportagem – contada através de texto, vídeo, som e imagens, com grande sensibilidade, através do olhar de Catarina Santos – pode ser vista aqui.

Com as etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , , , ,
%d bloggers like this: