Renascença vence Prémio de Excelência Geral em Ciberjornalismo

Renascença venceu, pelo segundo ano consecutivo, a principal categoria dos Prémios de Ciberjornalismo, atribuídos pelo Observatório de Ciberjornalismo, da Universidade do Porto.

O Prémio de Excelência Geral em Ciberjornalismo foi atribuído ao site da Renascença numa categoria em que estavam ainda nomeados os sites do jornal Público e do Jornal de Notícias.

A Renascença venceu também na Categoria de Reportagem Multimédia, com um trabalho sobre a Beatificação de João Paulo II.  Nesta categoria estavam nomeados trabalhos da TVI24, do Porto24, do Portal Sapo, do Jornal de Notícias e um outro trabalho da Renascença, sobre a Cimeira da Nato.

Na categoria de Última hora, o site do jornal Público venceu com um trabalho minuto a minuto durante a queda de Mubarak. Nesta categoria, a Renascença tinha duas nomeações com um trabalho sobre o acordo com a “troika” e outro sobre a demissão de José Sócrates.

Na Categoria Videojornalismo Online, o vencedor foi o site do Jornal de Notícias com o trabalho “Os búlgaros nas vindimas”. A Renascença estava nomeada nesta categoria com duas reportagens: Egipto: Geração Revolução e Fábricas Fantasmas.

O trabalho “Como vamos ser afectados no dia-a-dia”, do jornal Público, venceu na Categoria Infografia Digital. A Renascença estava nomeada com uma infografia sobre as eleições legislativas.

Os prémios de ciberjornalismo visam reconhecer o que de melhor é produzido em Portugal na área do ciberjornalismo. Este ano, concorreram mais de 100 trabalhos.

Leave a Reply

%d bloggers like this: