Renascença novamente distinguida

Foi atribuída à Renascença uma Menção Honrosa do Prémio Paridade, um prémio  da Comissão para a Cidadania e a Igualdade de Género.

A reportagem da jornalista Filomena Barros sobre “Casos de Sucessos do Rendimento Social de Inserção”, transmitida no programa Espaço Aberto, no dia 22 Novembro de 2009, foi uma das três menções honrosas escolhidas pelo júri, que atribuiu o Prémio Paridade à jornalista da SIC, Miriam Alves, com o trabalho “Desertos Modernos”, emitida no programa Grande Reportagem.

O júri do Prémio Paridade é composto por cinco elementos, de reconhecida competência na área da Igualdade de Género e da Comunicação Social e é presidido pela Presidente da Comissão para a Cidadania e a Igualdade de Género.

O objectivo da atribuição destes prémios é criar um ambiente propício à igualdade, fomentando uma imagem equilibrada das mulheres e dos homens nos meios de comunicação social, dando visibilidade e expressão às questões políticas, sociais, económicas e culturais, com que tanto uns como outros se deparam.

A entrega deste Prémio e das menções honrosas será feita pelo Ministro da Presidência, no decorrer de uma cerimónia pública, que terá lugar no próximo dia 18 de Fevereiro.

Leave a Reply

%d bloggers like this: